Capim-carrapicho (Cenchrus echinatus) – Invasora de plantações

Livro Guia de Plantas Medicinais

Tipo de grama que ocorre em terrenos baldios, em beira de estradas e bordas de matas. Possui em sua inflorescência um fruto (chamados brocas) que tem espinhos onde serve para o sucesso da propagação da planta se afixando em animais e até nos seres humanos, para se depositar no terreno quando está seca e germinar. Além disso, seus espinhos servem para evitar predação, bem como o oxalato de cálcio secretado. Tem importância econômica principalmente por causa de seu efeito como invasiva, erva daninha, que invade plantações prejudicando-as. Pelo mundo está registrada como planta daninha em mais de 30 países que afeta mais de 18 culturas, entre elas uva, leguminosas, cereais etc. É conhecida também como Timbête e Capim-amoroso.

Grama Carrapicho - Site Flora de Santa Catarina

Grama Carrapicho – Site: Flora de Santa Catarina

  • Nome científico: Cenchrus echinatus L.
  • Poaceae
  • Anual
  • Ereta
  • Altura: 30 a 90 cm
  • A parte de baixo do colmo (caule) prostrado
  • Caule achatado e verde escuro
  • A lígula, presente nessa família na dobra da bainha, são em forma de pelos. Com pelos ao longo de toda a bainha.

Secreta oxalato de cálcio, pode provocar irritação. Em experimentos, foram identificadas que as sementes da grama-carrapicho tem fotoblastismo negativo (ou seja, tende a germinar com mais sucesso na ausência de luz) quando as sementes são armazenadas por 7 meses. Quando armazenadas por mais tempo, tende a ter comportamento de germinação irregular. isso dá a entender que seu sistema de propagação é eficaz pois passa muito tempo secando em locais escuros, por exemplo, quando cola na roupa de uma pessoa e fica guardada em casa até ser descartada.

grama carrapicho 2 inflorescencia

Inflorescência de Cenchrus echinatus

Inflorescência em forma de espiga de 3 a 10 cm de comprimento e 1 a 2 cm de largura. São espiguetas espinhosas (espinhos ficam roxos quando vão ficando mais maduros) sem pedicelos em cada broca. Possui floração mais acentuada quando a planta está em clima úmido, porém com alta temperatura. Germina na primavera. Se desenvolve bem em locais secos. Solo úmido em locais de alta temperatura.

Por causa de seu efeito tóxico por causa do oxalato de cálcio, pode causar em cavalos doença renal crônica com o consumo persistente, e piora quando muita quantidade da planta é consumida pelos animais em curto período de tempo. A planta também prejudica a grama palatável aos cavalos que estão nos arredores da baia. Seu espinho também é bastante danoso a pele aos animais e aos humanos, ocorrendo pequenos acidentes na parte dérmica, pois os espinhos são bastantes rígidos. Até quando se pisa descalço em um pode furar.

Brocas da inflorescência

Brocas da inflorescência Fonte: SoilCropandmore

Sinonímia: Cenchrus brevisetus Fourn., Cenchrus pungens HBK, Cenchrus quinquevalvis Ham. ex Wall., Cenchrus viridis Spreng.

Livro Guia de Plantas Medicinais

Sobre 

Ciências Biológicas - UFPB e cia.
Email: eversonsazevedo[at]gmail.com
Siga-me!

    Me encontre em:
  • facebook
  • twitter
Última atualização: 5 de outubro - 2017 às 16:00

Faça parte do nosso grupo no Facebook

grupo facebook

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.