O Mentrasto é uma planta parecida com a Erva de São João, que é nativa de regiões tropicais e que é considerada uma planta daninha. A literatura indica que a superdosagem pode ser hepatotóxica, devendo ser usado com cuidado para não ocorrer intoxicações. Seu principal benefício é contra o reumatismo, sendo usada para fazer uma tintura para ser aplicada diretamente nas juntas para amenizar a dor, porém o xarope e o chá feito com as folhas frescas ou secas também é usado. É pouco conhecida por ser uma planta que ocorre mais em regiões remotas como serras, morros no interior onde é um lugar frio e propício ao desenvolvimento da planta.


Nome científico
Ageratum conyzoides

Outros Nomes

Cacália, Camará-opela, Catinga de barão, Catinga de bode, Cúria, Erva-de-Santa-Lúcia, Erva de são João, Erva de São José, Maria preta, Mentraste, Picão branco ou roxo


Família
Angiospermae – Asteraceae - Compositaceae

Características

  • Anual
  • Herbácea
  • Ereta
  • Pilosa
  • Aromática
  • Cresce até 1 metro de altura
  • Folhas: Opostas, longo pecioladas, ásperas, de forma ovóide podendo chegar até 5 cm de tamanho
  • Flores: Dispostas em capítulos com até 50 flores com cor branca ou lilás (por isso também é conhecida por picão roxo ou picão branco)
  • Frutos: Aquênios, minúsculos, de cor preta, anemófilo.
  • Invasiva

Dependendo do lugar onde ela de desenvolve, pode desenvolver muitas flores, outras podem desenvolver muitas folhas. Nas flores existe uma substância que atua como atraente de insetos polinizadores.


Componentes Químicos

Beta-cariofileno, Precocenos I, Precocenos II, Ácidos graxos livres (sementes), Monoglicérides, Diglicérides, Triglicérides, Ceras, Hidrocarbonetos, Esteróis, Quercetina, Campferol, Glicosídeos, Ácido cafeico, Ácido fumárico, Flavonas polimetoxiladas, Flavonas polioxigenadas, Geconiflavonas A, B e C, Eupalestina, Nobiletina, 5-metoxinobiletina, Lindero-flavona, Sinensetina, Cromenos, Lignanas, Alcalóides pirrolizidínicos, Licopsamina, Equinatina


Benefícios no organismo e propriedades medicinais

AnalgésicaAntirreumáticaCicatrizanteHemostática

Como usar / Chás e receitas

Colher a planta, deixar secar à sombra. Pode também usar só as folhas estas frescas. Fazer uma decocção colocando 30g das folhas frescas picadas, ou 15g delas secas, em meio litro de água.

Tomar uma xícara pequena 3 vezes por dia

Fazer um xarope com mel acrescentando as folhas picadas secas ou em forma de pó dentro e deixando no escuro por um dia. Basta uma colher de sobremesa.

Fazer a tintura com as folhas para aplicações externas


Pra que serve? (indicações)

Artrosecólicas menstruaisdorferidasHepatotóxicaInseticidareumatismotumor

Cuidados no uso e advertências

É aconselhável, se for usar como planta medicinal, usar somente as plantas sem flores


Localização

Ocorre em áreas de baixa pressão atmosférica no Nordeste do Brasil, em região de serras de clima frio e úmido. É do tipo cosmopolita tropical (se dá bem em qualquer local de regiões tropicais), o contrário de endêmica (restrita a um só lugar).


Mais sobre esse assunto

Sin.: Ageratum conyzoides var. inaequipaleaceum, A. hirsutum, A. hirtum, A. latifolium var. galapageium, A. microcarpum, Alomia microcarpa, Carelia conyzoides, Caelestina microcarpa


Fotos:

mentrasto

Menstrasto – Foto: Hoa Trai Viet Nam

Última atualização: 14 de junho - 2015 às 21:12
Lista das plantas medicinais de A a Z

Continue lendo mais plantas com letra "m"

  • Mulungu da Caatinga - Erythrina velutina
  • Mulungu (Canivete) - Erythrina dominguezii
  • Manga
  • Manacá (Brunfelsia uniflora)
  • Milona - Cissampelos sympodialis
  • Mais

  • Continue lendo mais artigos

    Sobre 

    Ciências Biológicas - UFPB e cia.
    Email: eversonsazevedo[at]gmail.com
    Siga-me!

      Me encontre em:
    • facebook
    • twitter