O Ginseng brasileiro é uma planta comum do Norte do brasil, em regiões de Floresta tropical como a Amazônia. Tem uma raiz tuberosa como batata que são usadas para extrair os componentes químicos. Já foi muito usada pelos índios da nossa América desde muito tempo, há mais de 300 anos. Hoje é explorada pela indústria para aproveitar seus benefícios da sua raiz que além de outras doenças, é mais eficaz contra câncer e para controlar os níveis de açúcar no sangue.


Nome científico
Pfaffia paniculata

Outros Nomes

Fáfia, paratudo, suma


Família
Angiospermae - Amaranthaceae

Características

  • Folhas simples, membranáceas, glabras podendo ser verde escuro na parte de cima e verde claro na parte de baixo. Cada uma tem de 4 a 7 cm de comprimento.
  • Flores brancas minúsculas quando novas e crescendo e ficando branca quando se abre
  • Subarbustiva
  • Ramos escandentes
  • Pode chegar até 3 metros de comprimento
  • Tubérculos nas raízes como batata (longa e grossa)
  • Existe outras espécies da Fáfia no Brasil que são também conhecidas como Ginseng Brasileiro (não confundir com o Ginseng indiano ou Ginseng Japonês) porém todas são usadas para os mesmos fins medicinais pois sua composição química é semelhante.

Componentes Químicos

Beta-ecdisterona, aminoácidos, eletrólitos, minerais, ferro, magnésio, silica, cobalto, zinco, vitaminas A, B, E e K, Vitamina P, saponinas, glicosídeos, nortriterpenos, ácido pfáffico


Benefícios no organismo e propriedades medicinais

AfrodisíacaCalmanteImunológicaMenopausaNutritivaTônica

Muito usada desde os tempos antigos por indígenas da região amazônica do Brasil, principalmente para rejuvenescimento. Também usada para fortalecer o organismo por acreditarem ser boa para usar antes da caça. Até hoje usam essa planta e a chamam de paratudo (não confundir com a Paratudo – panaceia).

Hoje é patenteada pela indústria Japonesa e Americana, particularmente substâncias encontradas nas raízes e testadas em laboratório para a eficácia contra doenças, para regular níveis de açúcar no sangue e cura do câncer.

Possui propriedades anabólicas por causa de uma substância que contém na planta. É utilizada por atletas para aumentar a resistência corporal e desempenho nas competições sem restrições ao teste anti-dopping.

Partes usadas

Raízes fatiadas.


Como usar / Chás e receitas

Pra fazer a decocção. Adicionar água fervente em uma xícara com uma colher das raízes fatiadas. Tomar duas vezes por dia.


Pra que serve? (indicações)

anabólicaanabolizanteAnemiaartritecolesterol altodiabetesfadiga crônicaHiperglicêmicahipertensãoimpotênciainfertilidademenstruaçãoNervosismorejuvenescedoratumorÚlcera Péptica Perda de tecido no trato digestivo, estes que estão em contato com a secreção do estômago. Pode ter surto e calmaria da doença. A causa é os mecanismos de defesa do Saiba mais...

    Localização

    Nativa de rediões de clima tropical (quente e úmido) do Brasil. Dá também na regiões Norte do Brasil, na Amazônia.


    Cultura e como plantar

    Não foi encontrada informações sobre o plantio dessa planta, porém podemos imitar um ambiente de florestas tropicais como a Amazônia, regando muito e plantar em local quente, que não precisa ser em sol direto.


    Mais sobre esse assunto

    Sinônimos: Hebanthe paniculata, Gomphrena eriantha, Gomphrena paniculata, Iresine erianthos, Iresine tenuis, Pfaffia eriantha, Xeraea paniculata.


    Fotos:

    ginseng brasileiro

    Ginseng Brasileiro, mais conhecido como paratudo ou fáfia

     

    Última atualização: 8 de fevereiro - 2015 às 1:42
    Lista das plantas medicinais de A a Z

    Continue lendo mais plantas com letra "g"

  • Guapa - Dracontium
  • Gilbardeira (Gilbarbeira)
  • Goma Arábica
  • Genciana
  • Grama (Francesa ou do campo)
  • Mais

  • Continue lendo mais artigos

    Sobre 

    Ciências Biológicas - UFPB e cia.
    Email: eversonsazevedo[at]gmail.com
    Siga-me!

      Me encontre em:
    • facebook
    • twitter