Planta muito usada para curar Ascaris lumbricoides (causador das verme intestinal e lombrigas) e Sclerotium rolfsii (fungo que ataca vegetais). No Brasil ela é muito usada para o consumo com leite para cura interna. Apesar do gosto e cheiro da planta ser bem característico e enjoado, o gosto dessa bebida com leite é agradável.


Nome científico
Chenopodium ambrosioides L.

Outros Nomes

Apazote, epazote, ambrisina, ambrósia-do-méxico, caácica, cambrósia, canudo, chá-do-méxico, chá-dos-jesuítas, cravinho-do-mato, ervas-das-cobras, erva-do-formigueiro, erva-ambrósia, erva-formigueira, erva-pomba-rota, erva-santa, lombrigueira, mastruço, mastruz, mata-cobra, mentrei, mentruço, mentrusto, mentruz, pacote, quenopódio.


Família
Angiospermae - Amaranthaceae - Chenopodiaceae

Características

  • Perene
  • Anual
  • Muito ramificada
  • Chega até 1 metro de altura
  • Folhas simples, alternas, pecioladas com variações no tamanho de cada. Essas folhas são pequenas e finas na parte superior da planta, e mais grossa e maiores na inferior.
  • Flores pequena verdes, uma junto da outra. Espigas axilares de flores.
  • Frutos aquênios pequenos bem pretos e redondos, oleaginoso. Os frutos por serem pequeno são confundidos com as sementes.
  • O nome dela em inglês é derivado de outras palavras de uma língua asteca (que era falada na região do México, origem da planta) que significavam suor e gambá. Daí podemos tirar que ela era relacionada com mau-cheiro.
  • Por causa do cheiro desagradável da planta, muita gente ficar com medo de usar para fins medicinais. O cheiro é muito forte.
  • É considerada pelo Ministérios da saúde mundiais, por meio de levantamento feito, como uma das mais utilizadas plantas para tratamento caseiros de doenças do mundo.

Componentes Químicos

Ascaridol, óleos essencial, proteína, ácido palmítico, ácido oleico, ácido linoleico, compostos flavonicos, vitamina C, carotenoides, cis-p-menta,1(7),8-dien-2-ol


Benefícios no organismo e propriedades medicinais

AnalgésicaAnti-helmínticaAntiasmáticaAntirreumáticaCarminativaDigestivaEstomáquicaFungicidaVermífuga

Seu consumo também reduz a flatulência.

Partes usadas

As partes utilizadas na culinária são as folhas, sendo elas desidratadas (menos sabor) ou recém colhidas – frescas (mais sabor). Pode usar as folhas secas, mas prefira as frescas ou recém colhidas.

Sumo das folhas associada ao leite para doenças do pulmão.


Como usar / Chás e receitas

Extrair o sumo das folhas e associar a leite.

Colocar alguns ramos no liquidificador com 3 copos de leite e passar. Coar e beber adoçado.

Usa-se a planta triturada para uso tópico, compressa.


Pra que serve? (indicações)

Antifúngicabronquitecontusõesfraturasinfecção intestinallombrigasTuberculosevermes

Cuidados no uso e advertências

Antigamente era usado o óleo-de-quenopódio, extraído a partir da hidro-destilação com as sementes com essa planta, porém para tratar de lombrigas vermes e infecções no intestino, mas hoje em dia não se faz mais isso porque existe remédios eficazes e também porque pra tomar esse óleo dava muito efeito colateral, ele é tóxico.


Culinária

Pode misturá-la com: Cominho, coentro, pimenta, alho, orégano, cravo-da-índia etc.

Pode ser usada em diversos preparos, entre eles: Feijão-preto, molho verde, sopas etc.

Use junto com: Pimentão, cebola, leguminosas, arroz, peixe, carne-de-porco, qualquer tipo de verdura verde, tomate, milho, abóbora (jerimum), chouriço, etc.

É usada largamente em feijão. Para utilizar em sopas, faça um picadinho das folhas frescas e coloque junto para cozinhar na panela. Também pode misturar em pratos onde se possa comer crua, mas fica mais saborosa quando colocado para cozinhar.

Quando estiver faltando 15 minutos para acabar o cozimento do alimento, coloque na panela, assim evitarás de comer um alimento amargoso. Use com cuidado pois ela pode tirar o gosto real dos alimentos e até causar tontura por ser tão forte.


Sabor e aroma

Muita gente diz que não gosta da Erva-de-Santa-Maria (mastruz) por ela ter um cheiro forte, que lembra massa de vidraceiro. Podemos comparar o cheiro da erva com o cheiro do hortelã, e outras frutas cítricas. O sabor é um pouco picante e refrescante, assim com a hortelã. Há pessoas que dizem que o gosto dela vicia por causa do gosto que ela deixa depois de a pessoa consumi-la.


Compra e armazenamento

Aqui no Brasil é fácil de encontrar o mastruz. Para quem não encontrar, é só comprar sementes e plantar que ela se dá bem com o clima tropical.

Se for comprar para cozinhar é melhor comprar a desidratada, mas ela terá menos gosto. Se for comprar para fazer chá, prefira os talos, se for para cozinhar, prefira as folhas secas.


Localização

É de origem Mexicana. Nos tempos antigos, foi muito usada na culinária pelos Maias na Guatemala. Hoje em dia as regiões que mais usam a Erva-de-santa-maria é a parte norte da América do sul, Caribe e México.

Há informações científicas que indicam que a origem dela é da América central e do sul principalmente no Brasil. No Brasil ela é espontânea e as duas regiões onde mais ocorrem são no Sul e Sudeste.


Cultura e como plantar

Escolha um lugar de solo seco e sol direto e plante as sementes. Assim ela terá um sabor mais forte por causa do sol. Plantas em lugares frios vai tornar o gosto e aroma dela menos acentuado. Após semear, você não terá que esperar muito pois em geral ela cresce muito rápido.

É considerada planta daninha.

Aqui no Brasil é mais cultivadas em hortos medicinais e caseiros.


Mais sobre esse assunto

Sinônimos Ambrina ambrosioides, Blitum ambrosioides, Ambrina spathulata, Chenopodium integrifolium, Chenopodium spathulatum, Chenopodium fruticosum, Chenonpodium ambrosioides var. angustifolium,  Chenonpodium ambrosioides var.anthelminticum, Ambrina parvula,  Chenonpodium ambrosioides var. dentata,  Chenonpodium anthelminticum


Fotos:

erva-de-santa-maria-1

Créditos da imagem – H.O. – http://goo.gl/GyURY

erva-de-santa-maria-2

Crédito da imagem: Don Loarie – http://www.flickr.com/photos/loarie/7859769760/

Última atualização: 7 de fevereiro - 2015 às 18:42
Lista das plantas medicinais de A a Z

Continue lendo mais plantas com letra "e"

  • Estévia (Stevia rebaudiana)
  • Erva Doce
  • Erva tostão
  • Erva mate (Ilex paraguariensis)
  • Erva Jararaca
  • Mais

  • Continue lendo mais artigos

    Sobre 

    Ciências Biológicas - UFPB e cia.
    Email: eversonsazevedo[at]gmail.com
    Siga-me!

      Me encontre em:
    • facebook
    • twitter