É uma planta aquática, que é encontrada facilmente em beiras de rios em toda a América, mais em terrenos brejosos. Quem não conhece acha que é uma planta daninha que se infesta nesses terrenos e precisa ser controlada, outras pessoas acham ela bonita e querem plantar como planta ornamental, mas ela tem também vários benefícios no organismo se usada como forma de chá das folhas secas principalmente. Das suas folhas secas é feito o pó moído para fazer o chá para que saia mais dos seus componentes e se dilua na água melhor. Fácil de reconhecer de longe pois ela não tem caule e tem várias flores brancas ao seu redor, com folhas grandes parecidas com uma concha.

O Nome chapéu-de-couro pode ter vindo da textura e tamanho de suas folhas que se parecem com um couro.


Nome científico
Echinodorus grandiflorus (Alisma g.)

Outros Nomes

Chá de pobre, Chá mineiro, Chá de campanha, Chá do brejo, Congonha do brejo, Erva do brejo, Aguapé, Erva do pântano.


Família
Alimataceae

Características

  • Herbácea
  • Subarbusto
  • Aquática
  • Perene
  • Sem caule
  • Rizomatosa
  • Pode medir até 2 metros de altura
  • Flores brancas. As flores estão ao longo do pendão que cresce dos rizomas
  • Folhas simples coriáceas com nervuras e que pode medir até 30 cm e o pecíolo pode medir até 130 cm.

Componentes Químicos

Alcaloides, saponinas, glicosídeos, taninos, flavonoides, terpenos, sais minerais.


Benefícios no organismo e propriedades medicinais

DepurativaDiuréticaHepáticaTônica
  • É uma planta muito usada para fins medicinais desde muito tempo, desde a preparação de chás, como ser usado para fazer remédio na indústria farmacêutica, mas ainda está em estudo.
  • O chá das folhas é o mais poderoso diurético, servindo para estimular o funcionamento dos rins e da bexiga para fazer o organismo secretar mais urina. É uma chá depurativo, sendo usado para limpar o sangue.
  • Fazer o cataplasma dos rizomas para curar hérnia.

Partes usadas

Folhas, rizomas


Como usar / Chás e receitas

  • Fazer o chá com as folhas colocando 2 colheres das folhas secas em uma xícara, colocar água fervente, tampar deixar por 5 minutos e coar para tomar 1 hora antes das refeições.
  • Para ficar mais forte, deixar secas as folhas, moer e fazer o pó para fazer o chá colocando em uma xícara de água fervente, 1 colher das de sobremesa do pó. Beber 1 xícara 2 vezes por dia.
  • Para tratar de gota e reumatismo, bem como tendinite, pegar o chá acima com mais água para ele ficar mais fraco, e aplicar compressa, molhando uma toalha com ele morno, e aplicando no local.
  • Faz-se banho de assento também para inflamação na próstata e doenças relacionadas.

Pra que serve? (indicações)

amigdalitearterioscleroseEczemaestomatitefaringitegengivitegotahérniainsuficiência renalPedras nos rinsprostatitereumatismosífilis

Localização

Nativas de localidades de clima de brejo, em terrenos ácidos de todo o continente americano.

No Brasil é fácil encontrar em beiras de lagoas, além de terrenos brejosos.


Cultura e como plantar

É uma erva aquática que é considerada daninha em terrenos aquáticos. Outros estabelecimentos plantam em lagos afim de decorar mesmo.


Mais sobre esse assunto

É mais fácil encontrar no sudeste e nordeste brasileiro a espécie Echinodorus macrophylus que é diferente mas usada para os mesmo fins, já que é eficaz para tudo.

As duas são muito parecidas.


Fotos:

chapeu de couro

Chapéu de couro planta – Foto: Flora da Unicamp

Última atualização: 13 de agosto - 2014 às 21:51
Lista das plantas medicinais de A a Z

Continue lendo mais plantas com letra "c"

  • Casca-preciosa
  • Café
  • Chacrona (Psychotria viridis)
  • Cipó-mariri - Ayahuasca (Banisteriopsis caapi)
  • Coqueiro - Cocos nucifera
  • Mais

  • Continue lendo mais artigos

    Sobre 

    Ciências Biológicas - UFPB e cia.
    Email: eversonsazevedo[at]gmail.com
    Siga-me!

      Me encontre em:
    • facebook
    • twitter