Nome científico
Tropaeolum majus

Características

A planta cresce até 3 metros, é trepadeira e anual. Ela cresce bem rápido. Suas flores podem ser vermelhas ou amarelas. São muito usadas em saladas porque além de colorir o prato, ainda dá sabor. Elas aparecem no início do verão. Ela se adapta em diferentes climas e em alguns países, ela é considerada invasiva. Ela é muito valorizada por ser antisséptica e ser também uma planta eficiente contra problemas pulmonares.


Componentes Químicos

É rica em Vitamina C, Glucosinolatos, mirosina, espilantol, sais minerais (ferro, iodo e fosfato), ácido oxálico etc.


Benefícios no organismo e propriedades medicinais

AntibióticaAntitussígenaDiuréticaExpectorante

Suas folhas são de formato circulares e é muito usada para reduzir secreção nasal que acontece muito quando estamos com gripes ou resfriados. Também aumenta a resistência do organismo à ações bacterianas.

Partes usadas

As partes usadas para fins medicinais são as folhas, as flores e os frutos. Além de usar para curar, podemos usar partes da planta na gastronomia, mais precisamente as sementes e as flores.


Como usar / Chás e receitas

Infusão: Para aumentar a resistência à infecções causadas por bactérias, diminuir secreções de gripes e resfriados, tomar 1 xícara da infusão feita com as folhas da Capuchinha três vezes por dia.

Tintura: Para resfriados, gripe e tosse seca, tomar 2 colheres de chá da tintura das folhas três vezes por dia.

Saladas: Para tornar a salada picante e rica em Vitamina C, colocar folhas e flores nela.

Suco: Para tratamento de enfisema pulmonar, colocar toda a planta no liquidificador, e tomar 4 colheres (chá) do suco três vezes por dia com leite. Também pode esfregar o suco no couro cabeludo para estimulação de crescimento dos fios de cabelo.

Loção: Para limpar cortes e arranhões, usar como loção 1 xícara da infusão feita com folhas da Capuchinha.



Sabor e aroma

Folhas são ricas em Vitamina C e podem ser usada em saladas, deixando-as com sabor picante.


Localização

É originária da Bolívia e Colômbia, na região dos Andes. Hoje em dia é plantada em todo o mundo devido a facilidade de plantar e da planta se desenvolver e a sua pouca exigência de solo específico.


Cultura e como plantar

  • É uma planta que cresce em qualquer lugar.
  • Prefere lugar ensolarado e solo bem drenado.
  • Se plantar em solo fértil, vai favorecer o crescimento e fortalecimento (rica em vitamina C) das folhas.
  • A dica é plantar as sementes no início do verão em local definitivo.
  • Na natureza, é considerada invasiva.
  • Em áreas urbanas, podem ser encontradas em jardins.
  • Para colher, pode colher as folhas o ano todo.
  • A planta toda deve ser colhida de preferência no final do verão.

Fotos:

Capuchinha de flôr amarela

Capuchinha de flôr amarela

Capuchinha de flôr laranja

Capuchinha de flôr laranja

Capuchinha de flôr vermelha

Capuchinha de flôr vermelha

Última atualização: 28 de maio - 2014 às 14:05

Lista das plantas medicinais de A a Z

Continue lendo mais plantas com letra "c"

  • Casca-preciosa
  • Café
  • Chacrona (Psychotria viridis)
  • Cipó-mariri - Ayahuasca (Banisteriopsis caapi)
  • Coqueiro - Cocos nucifera
  • Mais

  • Continue lendo mais artigos

    Sobre 

    Ciências Biológicas - UFPB e cia.
    Email: eversonsazevedo[at]gmail.com
    Siga-me!

      Me encontre em:
    • facebook
    • twitter