A planta que dá o Camu Camu é arbustiva, cresce em várzeas amazônicas, gosta de áreas inundadas. O camu camu é uma fruta redonda pequena que tem uma cor vinho-arroxeada quando madura e que é bem ácida, bem azeda quando degustada, tanto que ela não é consumida in natura por isso, só usada para fazer sucos, sorvetes, geléias, cápsulas, pó etc. que são usadas para, principalmente, usar para suprir o organismo com vitamina C, pois ela é a fruta, ou uma das frutas mais ricas em Vitamina C do mundo.


Nome científico
Myrciaria dubia

Outros Nomes

Camu, Cacari


Família
Angiospermae - Myrtaceae

Características

  • Arbustiva
  • Planta bem ramificada
  • Pode medir de 2 a 3 metros de altura
  • Folhas: Simples, opostas podendo medir de 4 a 6 cm de comprimento em local de plantio de onde ela é nativa.
  • Flores: São de cor branca em inflorescências de panículas terminais. Não tem um aspecto inteiro, mas como vários fios.
  • Frutos: O mais cobiçado na planta. São quando maduros, de cor verde a vinho como degrade, do tamanho de jabuticabas. Sua polpa é carnosa e tem gosto ácido azedo característico. Na amazônia o tempo que elas estão maduras é quando está ocorrendo as cheias. Tem 10 a 30 mm de diâmetro e não tem muitas sementes, apenas duas ou três pequenas.

O estado de maior produção de camu camu no Brasil é o Pará, seguido por Amazônas. Ela se dá bem e regiões de inundações ou de várzea. Porém já há estudos de melhoramentos por seleção artificial para escolher as plantas mais tolerantes à terra firme e já há fazendas em São Paulo que a cultivam. Fora do país o Peru, na amazônia peruana é um grande exportador do fruto para outros países como o Japão, Estados Unidos e Holanda que esta dissemina à União Europeia.


Componentes Químicos

Vitamina C


Benefícios no organismo e propriedades medicinais

AntioxidanteCardiotônicaImunológica

Benefícios do Camu camu

Seus frutos são bem ácidos, com gosto azedo e até hoje é a mais conhecida fruta com maior teor de vitamina C (ácido ascórbico) que pode variar entre 21.000 a 50.000 ppm (partes por milhão). Cada 200g do produto pode ter 7 gramas de vitamina C, aproximadamente. Mas sabemos que a vitamina C, quando consumimos muito, o organismo usa o que precisa e excreta o resto, mas é uma boa informação para consumirmos e manter o nível de vitamina c favorável no organismo, fato que favorece a absorção de ferro, evitando anemia e fraqueza generalizada.

Fazendo uma análise com duas frutas conhecidas por ter vitamina C, a laranja tem 2,80% da vitamina C se comparado ao Camu camu; Já a acerola tem 84% da quantidade da vitamina da Camu camu. Vejamos melhor: Camu camu tem mais de 30 vezes a quantidade de vitamina C que a laranja tem, e o Camu camu tem quase 2 vezes mais vitamina C que acerola tem.

Além disso, se comparado com a laranja o Camu camu também oferece mais benefícios, 10 vezes mais ferro, 3 vezes mais niacina – vitamina B1, 2 vezes mais riboflavina – vitamina B2, 2 vezes mais fósforo. É uma super-fruta, pena que não é muito disseminada pelo Brasil como o açaí o é, mas só lá pela amazônia que ela é tão conhecida. Também pode ser de difícil plantio em outros locais que não inundam por isso que não populariza. Talvez num futuro próximo ela venha a ser disseminada pelo Brasil, já há até início de plantio em outros lugares. Outra hipótese de que ela não se disseminou pelo Brasil é por causa de sua acidez grande no que não da pra ser consumida in natura.

Partes usadas

Frutos (polpa)


Como usar / Chás e receitas

Como usar o camu camu? Faz-se sucos, sorvete, geléias, e consome-se in natura (ainda que seja azeda demais).

Comprar o camu camu em pó, tomar 1 colher de sobremesa em jejum com água ou suco para tratamento de doenças psicossomáticas, depressão, neurastenia, bipolaridade, ansiedade, síndrome do pânico.

E Camu camu cápsulas? Como é difícil comer o Camu camu in natura por causa do gosto, é apreciada de forma de suplemento alimentar de cápsulas para aproveitar seu valor nutricional, principalmente para agir como antioxidante fortificando o colágeno, substância que dá sustentação à pele inibindo o envelhecimento precoce, agindo no processo de cicatrização. Uma embalagem com 50 a 60 cápsulas pode custar entre 25 a 30 reais em lojas de suplementos alimentares ou pela internet no site dessas lojas. Pode ser consumida a 1 cápsula por dia.

E Camu camu em pó? O pó de Camu camu é feito a partir de seu extrato para tomar diluído em água, caso queira obter seus benefícios toando esse copo de água em jejum ou tomar duas vezes por dia em um horário longe as principais refeições.


Pra que serve? (indicações)

Anemiacâncer de mamaenvelhecimentoEnvelhecimento precoceestressegripeprostatiteResfriados

Localização

Nativa da Amazônia na floresta tropical, ela é abundante em regiões pantanosas alagadas ou que estão suscetíveis ao alagamento.


Cultura e como plantar

  • Planta-se por sementes
  • Frutifica entre novembro e março
  • Flora o ano inteiro

Mais sobre esse assunto

Sin.: Psidium dubium, Eugenia divaricata, E. grandiglandulosa, Myrciaria caurensis, M. divaricata, M. lanceolata, M. paraensis, M. phillyraeoides, M. riedeliana, M. spruceana

Curiosidade – Em experimentos científicos com ratos, o extrato metanólico das sementes de camu camu mostrou que, por administração via oral, ela tem atividade anti-inflamatória e foi visto a regeneração de edemas no corpo dos ratos. O resultado foi que entre outros fatos, o extrato das sementes contendo ácido betulínico é potencialmente capaz de prevenir e curar doenças relacionadas à imunidade em mamíferos, porém não vá extrair das sementes essas substâncias para usar, pois esses são somente testes que nos dizem algo e nos dando esperanças para a produção de fármacos futuramente, não sendo indicado para ser usados em humanos.


Fotos:

camu camu na arvore

Camu camu na árvore – Foto: reprodução

Última atualização: 4 de outubro - 2015 às 21:43
Lista das plantas medicinais de A a Z

Continue lendo mais plantas com letra "c"

  • Casca-preciosa
  • Café
  • Chacrona (Psychotria viridis)
  • Cipó-mariri - Ayahuasca (Banisteriopsis caapi)
  • Coqueiro - Cocos nucifera
  • Mais

  • Continue lendo mais artigos

    Sobre 

    Ciências Biológicas - UFPB e cia.
    Email: eversonsazevedo[at]gmail.com
    Siga-me!

      Me encontre em:
    • facebook
    • twitter