Suplementação com alga verde Chlorella vulgaris e seus benefícios à saúde

Chlorella (Chlorella vulgaris) – Chlor = Clorofila – Ella = diminutivo em latim que significa “pequeno”. É uma alga unicelular de água doce de tamanho muito pequeno, de cerca de 4-8 micrômetros de diâmetro. Ela é de tonalidade verde por causa de pigmentos nas suas células, onde são encontrados os pigmentos clorofila a e b, e por causa disso, essa alga dá a cor verde aos lugares marinhos onde habita, diferente da Spirulina que é uma cianobactéria e contém ficocianina (que dá uma cor ciano, ou seja, azul) e ficoeritrina (que dá a cor vermelha) que juntas, dão um pigmento azul-esverdeado à spirulina. As duas, a alga verde Chlorella e a cianobactéria Spirulina são muito relacionadas no comércio de suplementos alimentares. Há locais de grande produtividade no mundo, desta alga verde em terras Asiáticas, na Austrália e outras terras do Oriente. A Coreia do sul também é um grande produtor de Chlorella.

Acredita-se que ela pode ser um dos mais antigos organismos vivos em toda a terra, e começou a ser estudada por cientistas japoneses na década de 60 para fins de estudos de nutrição, visto que como ela é considerada um super alimento, capaz de nutrir muito bem uma pessoa por causa de seus nutrientes, pudesse conter a falta de comida devido ao alto crescimento populacional que foi notável naquela época que estava iminente a acontecer, segundo teorias. Ela foi descoberta por um microbiologista Holandês muito antes em 1890. Até a NASA recentemente estudou o uso dela para alimentar astronautas no espaço como um tipo de ração humana e, além de alimentar, cultivar na própria estação espacial internacional.

Em pacientes com câncer, ajuda a combater a doença e a mantê-los mais energizados evitando a depressão. A Clorofila que dá tonalidade verde à Chlorella também é boa para mau hálito em seres humanos. No organismo humano, proporciona muitos benefícios como veremos mais adiante. Ela é da cor verde esmeralda. Ao se comprar, deve ficar atento à empresa produtora para saber se ela é cultivada em viveiros esterilizados e fechados e não em lagos abertos, para evitar contaminação.

Muita gente usa no dia-a-dia para adicionar ao suco verde para aumentar sua carga de nutrientes, em forma de pó ou extrato líquido, mas a pessoa, por comodidade ou se não gosta do gosto que é semelhante a chá verde, pode comprar também os comprimidos que vem revestidos de uma cápsula de diluição entérica que ao se tomar com água, a cápsula se desintegra no estômago já passando para o intestino e libera todo o extrato.

Opinião de especialistas sobre a alga

Alguns especialistas relatam que a Chlorella atua no organismo como um agente desintoxicante para livrar o corpo de mercúrios, por causa da clorofila abundante nela que faz com que oxigene mais o sangue. Reforça também o sistema imunológico servindo para produzir anticorpos que combatem infecções podendo até ser, não preventivo, mas combatente do câncer. Também ajuda no fortalecimento da flora intestinal mantendo-a saudável para que ela possa trabalhar melhor evitando a má-digestão, e constipação intestinal. Bom para quem fez ou faz radioterapia, servindo para eliminar os metais pesados do corpo, mas mesmo se não faz, a pessoa no dia-a-dia contrai essas toxinas no corpo através do ar poluído, produtos de beleza, agrotóxicos etc. E ela pode ser muito boa para qualquer pessoa.

Cuidados ao se tomar ao usar as cápsulas de Chlorella

Também ao se comprar, é necessário ler bem a embalagem ou a bula da marca que está comprando para saber se ela na sua produção é das que tem a parede celular rompida ou não (Chlorella de parede celular já rompida facilita no processo de absorção do organismo), e também que ela não seja muito aquecida no processo (muito aquecida, ela perde muito dos nutrientes).

Deve-se ter cuidado ao consumi-la por quem está tomando algum medicamento que diminui os efeitos do sistema imunológico (por exemplo, anti-histamínicos que ajudam a diminuir o efeito das alergias, pois como alergia é uma resposta do sistema imunológico querendo combater algo que não existe, o médico os receita para fazê-lo parar. Se for usado junto com a Chlorella pode ser perigoso, pois vai interagir, ela vai querer aumentar as respostas do sistema imunológico e o remédio vai querer inibir gerando um colapso e isso pode ser maléfico à saúde. É sempre bom avisar ao médico que você está consumindo Chlorella para ele receitar anti-alérgico certo, antes.

Como Chlorella tem muita vitamina K, que serve para fazer o sangue coagular, pode interagir com Aspirina e Varfarina, que são usados para fazer o contrário, o sangue afinar (ou melhor, retardar a coagulação do sangue) no que também deve-se ficar atento ao usar.

Hoje em dia os cidadãos muito atarefados ou desligados não conseguem escolher bem quando vão às compras, para comprar os alimentos que precisam para fazer uma refeição rica em tudo que precisa, e a Chlorella pode ser um trunfo em repor esses nutrientes de forma natural, mas essa pessoas devem ter atenção à vitamina B e não usar por mais de 2 meses.

Informações sobre benefícios que a Chlorella proporciona ao organismo e suas vantagens de utilização

– Chlorella seca pode conter até 88% de proteína, até 38% de hidratos de carbono e até 75% de gordura.

– Rica em vitamina A, B1, B2, B6, B12, C, E e K. Embora alguns especialistas dizem que a ela possui todas as vitaminas B, outros dizem que ela não tem a B12. Já outros dizem que tem a B12, mas ela não é bem absorvida pelo organismo e que é necessário compensar.

– Rica em minerais como o ferro, potássio, zinco e cálcio. Também tem magnésio que é responsável pelo nível de açúcar no sangue, humor, relaxamento e saúde mental. Também tem alguns minerais raros.

– Aminoácidos – Nela encontra-se aminoácidos importantes que são necessários para a saúde do corpo, provendo aqueles que o nosso corpo não fabrica.

– Clorofila – Responsável por combater o mau hálito. É ela que dá cor verde à alga, e melhora o nosso sistema imunológico ajudando o corpo a combater infecções, inflamação, etc.

– Desintoxica – A Chlorella age como um ímã quando se fala em sugar do corpo para fora todos os metais pesados e toxinas que entram a partir de poluição, produtos cosméticos, roupas, refrigerante, etc.

– Revigorante – As pessoas que fazem uso da Chlorella dão relatos de que se sentiram melhor depois, melhorando o humor, auto-estima, energia, e vontade de executar tarefas.

– Digestão – Mantém a flora intestinal saudável pronta para digerir e aproveitar os nutrientes dos alimentos.

– Diabetes – Ela melhora os níveis de açúcar no sangue.

– Câncer – Ela é rica em carotenoides naturais, e evita a oxidação evitando a proliferação de células cancerígenas e fatores que causem problemas no coração.

– Outros – A Chlorela também é usada por que tem Doença de Crohn, colite, úlceras, constipação, resfriados, pressão alta e colesterol alto para o controle dos sintomas.

Informações adicionais

A pessoa ao usar, pode sentir algum desconforto no estômago, vontade de vomitar, diarreia, notar fezes verdes, etc. Não se pode tomar sol após consumir a Chlorella, porque ela pode fazer a pele mais sensível ao sol.

Vegetarianos usam muito a Chlorella por causa de sua riqueza de nutrientes que supre o organismo facilmente. Mas os vegans devem ficar atentos porque eles devem suprir a falta de vitamina B12. Ela tem essa vitamina, mas pode ser difícil o processo de absorção do organismo.

As cápsulas são um suplemento dietético feito com a alga, e pode-se tomar uma colher de chá por dia do pó. Pode misturar em água de coco, suco e frutas. Também é encontrado em comprimidos ou em extrato. Este último é mais difícil de encontrar. A dosagem depende da marca.

Apesar das duas serem algas potentes como alimento, elas diferem. A Chlorella, como o próprio nome diz, é rica em clorofila, por isso que é verde e é uma alga. A Spirulina também tem, mas não nas mesmas proporções da Chlorella, e além disso a Spirulina tem outros pigmentos e corantes como a ficocianina, que dá a ela a tonalidade azul, que é um antioxidante que protege nossas celulas, quando se fala em benefícios. Esta não é uma alga, mas uma cianobactéria.

Referências Bibliográficas

WEBMD. CHLORELLA. Disponível em: <http://www.webmd.com/vitamins-supplements/ingredientmono-907-chlorella.aspx?activeingredientid=907&activeingredientname=chlorella> Acesso em: 02 nov. 2015.

Yaeyama Chlorella. Benefits of Chlorella Vulgaris. Disponível em: < http://www.yaeyama-chlorella.com/8/benefits-ofchlorella-vulgaris/> Acesso em: 02 nov. 2015.

MERCOLA. Is Chlorella a Powerful Natural Detoxification Tool? Disponível em <http://articles.mercola.com/sites/articles/archive/2012/02/01/is-this-one-of-natures-most-powerful-detoxification-tools.aspx> Acesso em: 02 nov. 2015.

 

Sobre 

Ciências Biológicas - UFPB e cia.
Email: eversonsazevedo[at]gmail.com
Siga-me!

    Me encontre em:
  • facebook
  • twitter
Última atualização: 3 de novembro - 2015 às 12:15

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.